Cultura

Marina Abramović em São Paulo!

Posted on

O Sesc Pompeia sedia uma programação com diversas atividades  da artista Marina Abramović,  um dos maiores expoentes da arte performática mundial. A programação vai de 10 de março a 10 de maio e é dividida em duas partes.

Terra Comunal — Marina Abramović, apresenta a maior retrospectiva da artista na América do Sul. Com a seleção de obras feitas por Jochen Volz (curador-chefe da Serpentine Galleries de Londres) e assistência de Catarina Duncan e Sidney Russell, reúne três instalações de imersão que lembram momentos chave do processo de produção da artista e apresentações que marcaram sua carreira. Também integram a mostra, 10 vídeos de performances que traçam a trajetória de Abramović na arte, e também dos Objetos Transitórios para Uso Humano, produzidos depois da separação entre a artista e Ulay, esculturas desenvolvidas em conjunto com as quais o público pudesse interagir.

A exposição pode ser visitada de terça a sábado, das 10h às 21h, e aos domingos e feriados, das 10h às 19h.

A outra parte Terra Comunal – MAI, a mostra mais abrangente produzida pelo seu instituto. Com curadoria de Marina Abramović e das artistas Paula Garcia e Lynsey Peisinger, apresenta a maior experiência já aplicada pelo MAI até hoje. A programação apresenta encontros com a artista, performances de oito artistas brasileiros, além de um espaço para experimentação e colaboração. Durante o evento, o público pode ver novas performances de Lynsey Peisinger e reperformances de trabalhos antigos de Abramović por Andrea Boller

Veja a programação abaixo:

Dia 10 de março

18h às 21h — Ayrson Heráclito com Transmutação da Carne

Dias 12, 13 e 14 de março

Das 17h às 21h — Maikon K com DNA de DAN

De 7 a 12 de abril

Marco Paulo Rolla com “Preenchendo o Espaço”

De terça a sábado, das 13h às 21h, e aos domingos e feriados, das 13h às 19h.

De 10 de março a 10 de maio

Paula Garcia com Corpo Ruindo, Maurício Ianês com O Vínculo e Grupo Empreza com Vesúvio

Fernando Ribeiro com O Datilógrafo

Rubiane Maia, com O Jardim

Dias 14 e 25 de março, 7, 17 e 29 de abril e 10 de maio

Serões Performáticos por Grupo Empreza

De terça a sábado, das 13h às 21h, e aos domingos e feriados, das 13h às 17h.

Dias 21 de março, 4 de abril e 18 de abril, às 13h.

Reperformances por Andrea Boller

Dia 21 de março, às 17h: Freeing the Voice

Dia 4 de abril, às 17h: Freeing the Memory

Dia 18 de abril, às 13h: Freeing the Body

Dias 11 e 26 de março, 1, 2, 8, 15, 22 e 30 de abril

Sempre às 20h — Encontros com Marina Abramović

A conversa acontece no teatro e as retirada de ingressos gratuitos (dois por pessoa) pode ser feita a partir das 13h nas Bilheterias da Rede Sesc.

Serviço — Terra Comunal: Marina Abramović + MAI
Sesc Pompeia– Rua Clélia, 93, Vila Pompéia – São Paulo/ SP
(11) 3871.7700
De 10 de março a 10 de maio de 2015

Fonte: Brasileiros

Advertisements

As fotos do jovem Kubrick

Posted on

Antes de entrar pra história como um dos maiores diretores de cinema do mundo, Stanley Kubrick ficou conhecido por outro motivo, aos 17 anos ele foi contratado pela revista LOOK para fotografar o metro de Nova York.

Ele teve suas fotos publicadas em 129 edições da revista e suas imagens capturavam o dia a dia movimentado dos vagões e estações. Com sua visão única e uma qualidade indiscutível essas imagens revelam a atmosfera dos anos de 1940 e 1950, confira abaixo algumas dessas fotos:

imagem: reprodução

Flores esculturais!

Posted on

O escultor espanhol Ignacio Canales Aracil está muito interessado na possibilidade de utilizar elementos botânicos em suas criações artísticas. Esses vasos, feitos a partir de flores secas prensadas, são alguns dos seus primeiros trabalhos, onde ele celebra e preserva a primavera.
Ignacio criou estas esculturas de flores em colaboração com famosos paisagistas europeus, que lhe permitiram escolher a dedo cada flor de seus jardins públicos e privados. Os bouquets foram colocados em grandes moldes até que ficarem secos. Eles também tiveram que usar um spray de verniz para proteger as peças da humidade. Embora as esculturas pareçam sólidas e resistentes, elas são tão frágeis que eles podem ser facilmente esmagados com o mais leve toque.

Indicados ao Oscar 2015!

Posted on

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood anunciou na semana passada os indicados ao Oscar 2015. “Birdman ou (A inesperada virtude da ignorância)” e “O grande hotel Budapeste” são os principais concorrentes, como nove indicações cada, incluindo melhor filme. Na sequência, vem “O jogo da imitação”, com oito. “Boyhood: Da infância à juventude” disputa seis estatuetas. O documentário “O sal da terra”, sobre o fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado, foi indicado. Ele foi dirigido pelo alemão Win Wenders e pelo brasileiro Juliano Salgado, filho de Sebastião.

Veja, abaixo, a lista completa de indicados ao Oscar 2015:

Birdman (Foto: Divulgação)
Michael Keaton em cena de ‘Birdman’ (Foto: Divulgação)

Melhor filme
“Sniper americano”
“Birdman”
“Boyhood: Da infância à juventude”
“O grande hotel Budapeste”
“O jogo da imitação”
“Selma”
“A teoria de tudo”
“Whiplash”

Melhor diretor
Alejandro Gonzáles Iñárritu (“Birdman”)
Richard Linklater (“Boyhood”)
Bennett Miller (“Foxcatcher: Uma história que chocou o mundo”)
Wes Anderson (“O grande hotel Budapeste”)
Morten Tyldum (“O jogo da imitação”)

Melhor ator
Steve Carell (“Foxcatcher”)
Bradley Cooper (“Sniper americano”)
Benedict Cumbertatch (“O jogo da imitação”)
Michael Keaton (“Birdman”)
Eddie Redmayne (“A teoria de tudo”)

Melhor ator coadjuvante
Robert Duvall (“O juiz”)
Ethan Hawke (“Boyhood”)
Edward Norton (“Birdman”)
Mark Ruffalo (“Foxcatcher”)
JK Simons (“Whiplash”)

Melhor atriz
Marion Cotillard (“Dois dias, uma noite”)
Felicity Jones (“A teoria de tudo”)
Julianne Moore (“Para sempre Alice”)
Rosamund Pike (“Garota exemplar”)
Reese Whiterspoon (“Livre”)

Melhor atriz coadjuvante
Patricia Arquette (“Boyhood”)
Laura Dern (“Livre”)
Keira Knightley (“O jogo da imitação”)
Emma Stone (“Birdman”)
Meryl Streep (“Caminhos da floresta”)

Melhor filme em língua estrangeira
“Ida” (Polônia)
“Leviatã” (Rússia)
“Tangerines” (Estônia)
“Timbuktu” (Mauritânia)
“Relatos selvagens” (Argentina)

Melhor documentário
“O sal da terra”
“CitizenFour”
“Finding Vivian Maier”
“Last days”
“Virunga”

Cena de 'O sal da terra', de Wim Wenders (Foto: Divulgação)
Cena de ‘O sal da terra’, de Wim Wenders e Juliano Salgado (Foto: Divulgação)

Melhor documentário em curta-metragem
“Crisis Hotline: Veterans Press 1”
“Joanna”
“Our curse”
“The reaper (La Parka)”
“White earth”

Melhor animação
“Operação Big Hero”
“Como treinar o seu dragão 2”
“Os Boxtrolls”
“Song of the sea”
“The Tale of the Princess Kaguya”

Melhor animação em curta-metragem
“The bigger picture”
“The dam keeper”
“Feast”
“Me and my moulton”
“A single life”

Melhor curta-metragem em ‘live-action’
“Aya”
“Boogaloo and Graham”
“Butter lamp (La lampe au beurre de Yak)”
“Parvaneh”
“The phone call”

Cena de 'O grande Hotel Budapeste' (Foto: Divulgação)
Cena de ‘O grande Hotel Budapeste’ (Foto: Divulgação)

Melhor roteiro original
Alejandro G. Iñárritu, Nicolás Giacobone, Alexander Dinelaris Jr. e Armando Bo (“Birdman”
Richard Linklater (“Boyhood”)
E. Max Frye e Dan Futterman (“Foxcatcher”)
Wes Anderson e Hugo Guinness (“O grande hotel Budapeste”)
Dan Gilroy (“O abutre”)

Melhor roteiro adaptado
Jason Hall (“Sniper americano”)
Graham Moore (“O jogo da imitação”)
Paul Thomas Anderson (“Vício inerente”)
Anthony McCarten (“A teoria de tudo”)
Damien Chazelle (“Whiplash”)

Melhor fotografia
Emmanuel Lubezki (“Birdman”)
Robert Yeoman (“O grande hotel Budapeste”)
Lukasz Zal e Ryszard Lenczewski (“Ida”)
Dick Pope (“Sr. Turner”)
Roger Deakins (“Invencível”)

Melhor edição
Joel Cox e Gary D. Roach (“Sniper americano”)
Sandra Adair (“Boyhood”)
Barney Pilling (“O grande hotel Budapeste”)
William Goldenberg (“O jogo da imitação”)
Tom Cross (“Whiplash”)

O ator Benedict Cumberbatch em cena de 'O jogo da imitação' (Foto: Divulgação)
O ator Benedict Cumberbatch em cena de ‘O jogo da imitação’ (Foto: Divulgação)

Melhor design de produção
“O grande hotel Budapeste”
“O jogo da imitação”
“Interestelar”
“Caminhos da floresta”
“Sr. Turner”

Melhores efeitos visuais
Dan DeLeeuw, Russell Earl, Bryan Grill e Dan Sudick (“Capitão América 2: O soldado invernal”)
Joe Letteri, Dan Lemmon, Daniel Barrett e Erik Winquist (“Planeta dos macacos: O confronto”)
Stephane Ceretti, Nicolas Aithadi, Jonathan Fawkner e Paul Corbould (“Guardiões da Galáxia”)
Paul Franklin, Andrew Lockley, Ian Hunter e Scott Fisher (“Interestelar”)
Richard Stammers, Lou Pecora, Tim Crosbie e Cameron Waldbauer (“X-Men: Dias de um futuro esquecido”)

Melhor figurino
Milena Canonero (“O grande hotel Budapeste”)
Mark Bridges (“Vício inerente”)
Colleen Atwood (“Caminhos da floresta”)
Anna B. Sheppard e Jane Clive (“Malévola”)
Jacqueline Durran (“Sr. Turner”)

Melhor maquiagem e cabelo
Bill Corso e Dennis Liddiard (“Foxcatcher”)
Frances Hannon e Mark Coulier (“O grande hotel Budapeste”)
Elizabeth Yianni-Georgiou e David White (“Guardiões da Galáxia”)

Cena de 'Foxcatcher' (Foto: Divulgação)
Steve Carell (à esq.) e Chaning Tatum em cena de ‘Foxcatcher’ (Foto: Divulgação)

Melhor trilha sonora
Alexandre Desplat (“O grande hotel Budapeste”)
Alexandre Desplat (“O jogo da imitação”)
Hans Zimmer (“Interestelar”)
Gary Yershon (“Sr. Turner”)
Jóhann Jóhannsson (“A teoria de tudo”)

Melhor canção
“Everything is awesome”, de Shawn Patterson (“Uma aventura Lego”)
“Glory”, de John Stephens e Lonnie Lynn (“Selma”)
“Grateful”, de Diane Warren (“Além das luzes”)
“I’m not gonna miss you”, de Glen Campbell e Julian Raymond (“Glen Campbell…I’ll be me”)
“Lost Stars”, de Gregg Alexander e Danielle Brisebois (“Mesmo se nada der certo”)

Melhor edição de som
Alan Robert Murray e Bub Asman (“Sniper americano”)
Martín Hernández e Aaron Glascock (“Birdman”)
Brent Burge e Jason Canovas (“O hobbit: A batalha dos cinco exércitos”)
Richard King (“Interestelar”)
Becky Sullivan e Andrew DeCristofaro (“Invencível”)

Melhor mixagem de som
John Reitz, Gregg Rudloff e Walt Martin (“Sniper americano”)
Jon Taylor, Frank A. Montaño e Thomas Varga (“Birdman”)
Gary A. Rizzo, Gregg Landaker e Mark Weingarten (“Interestelar”)
Jon Taylor, Frank A. Montaño e David Lee (“Invencível”)
Craig Mann, Ben Wilkins e Thomas Curley (“Whiplash”)

Mason (Ellar Coltrane), o protagonista de 'Boyhood'  (Foto: Divulgação)
Mason (Ellar Coltrane), o protagonista de ‘Boyhood’ (Foto: Divulgação)
Fonte: G1

 

Inspiração étnica!

Posted on Updated on

Étnico é tudo o que se refere a um povo ou raça. Grupo social que apresenta homogeneidade cultural e linguística, compartilhando história e origem comuns.

Há muitas temporadas convivemos com essas padronagens que podem ser super coloridas como apenas bicolores. Elas estão diretamente ligadas aos anos 70. As estampas étnicas tem inspiração em vários povos como indianos, tribos africanas, índios americanos e nos astecas.

Na coleção Inverno 2014 a Cervera apresentou a Linha Tucuman Multicor. Tucuman é uma espécie de coqueiro muito comum na América Latina, com sua palha são feitos artesanatos com desenhos que inspiraram essa coleção. Gostaram?

cerverablog

Copa do Mundo – Brasil x México!

Posted on

Amanhã acontece o segundo jogo da Seleção brasileira. Dessa vez contra o México.

Para entrar no clima e torcer em grande estilo, separamos 2 sugestões de look. A primeira inspirada nas cores da nossa seleção e a segunda inspirada nas cores da seleção mexicana. Torcidas à parte, qual seu look favorito?

cerverablog

Junho chegou! É hora de festa junina!

Posted on

Indiscutivelmente, a Festa Junina é a festa brasileira mais gostosa do ano!

A tradição de origem cristã, é comemorada em Junho, em homenagem a três santos: Santo Antônio, São Pedro e São João. E é comemorada de diversas maneiras: quadrilhas, quermesses e grupos festeiros.

O que todas elas tem em comum é a comida, sempre feita com milho devido à época de sua colheita. Pamonha, cural, milho cozido, canjica, cuzcuz, pipoca, bolo de milho. Sem esquecer do arroz doce, bolo de amendoim, bolo de pinhão, bombocado, broa de fubá, cocada, pé-de-moleque, quentão, vinho quente, batata doce e muito mais.

Vestidos de chita, camisa xadrez e chapéu de palha são indispensáveis para o figurino. A decoração também tem um papel importante na celebração. Bandeirinhas, balões, fogueira e santinhos não podem faltar.

Separamos algumas ideias de decoração de Festa Junina para você entrar no clima!

decoracao-festa-junina-detalhes-01 decoracao-festa-junina-detalhes-02 decoracao-festa-junina-detalhes-03 decoracao-festa-junina-detalhes-06

Imagem: Reprodução